Falar de empresas e suas mídias sociais é importante, porque cada vez mais os consumidores buscam marcas que reflitam seus valores.

Mas ainda existem muitas marcas que não sabem se conectar de forma correta com seus clientes. E por isso, muitas empresas deixam de investir nas suas mídias sociais.

Isso ocorre porque falta um bom planejamento de marketing de conteúdo, que analisa e cria estratégias que geram mais engajamento.

Só que para gerar engajamento é preciso ter sustentabilidade de conteúdo. Pois, só assim é possível ficar mais tempo em contato com os públicos de interesse.

Marketing de conteúdo é pensar a longo prazo.

Para que os perfis das empresas nas mídias sociais conquistem mais seguidores é preciso criar um sistema de alimentação de conteúdo.

Porque é isso que faz com que uma marca consiga atrair e fidelizar seus consumidores. Para que isso aconteça, o primeiro passo é analisar quem é o público de interesse da empresa.

Um dos erros mais comuns é a criação de conteúdo que não gera interesse. E isso faz com que os responsáveis pelo marketing da marca considerem uma perda de tempo.

Mas, as grandes marcas sabem a importância de se conectarem com seus públicos de interesse por mais tempo.

É por isso, que o marketing de conteúdo deve ser visto como um processo a longo prazo.

Porque para formar uma legião de seguidores, defensores e influenciadores é preciso conversar, trocar experiências e criar um relacionamento profundo.

Valores da Marca X Valores dos Clientes

Quanto maior for a troca de valores entre marcas e clientes, melhor será o relacionamento e a fidelização por parte dos consumidores.

Porque isso cria uma conexão onde ambos os lados aprendem um com o outro. Além disso, esse aprendizado mútuo ajuda as empresas a pesquisar e criar meios de tornar seus negócios mais sustentáveis.

É bom lembrar que o poder da comunicação está nas mãos dos consumidores. E para chamar sua atenção tem que haver algo com que eles se identifiquem.

Entretanto, por mais que se queira aumentar as vendas, as empresas precisam ser fiéis aos seus valores.

Já vimos casos de empresas criarem um belo storytelling para suas marcas, mas que não eram verdadeiros.

Seja autêntico, relevante e constante.

Os perfis das empresas nas mídias sociais são como os perfis de profissionais no LinkedIn. Seguimos aqueles que passam credibilidade e confiança.

Podemos comparar os perfis das empresas nas mídias sociais aos perfis dos profissionais do LinkedIn. Pois, seguimos aqueles que passam credibilidade e confiança.

Quando começamos a produzir conteúdo nas mídias sociais, estamos criando uma imagem. E ela precisa ser constantemente trabalhada para gerar valor aos seus públicos de interesse.

Quanto mais autêntico, relevante e constante for o perfil de uma empresa nas mídias sociais, mais ela se torna importante na vida das pessoas.

Quais mídias sociais escolher?

A escolha das mídias sociais depende do perfil do público de interesse da empresa. Além disso, é preciso analisar se a marca tem capacidade de criar conteúdo e dialogar com seus seguidores.

É muito comum, marcas criarem um tipo de conteúdo e replicarem em seus perfis nas mídias sociais. Entretanto, cada mídia social tem uma característica distinta.

Vamos pegar o exemplo do Twitter, uma mídia social muito usada para notícias rápidas e debates. Nela, a maioria dos seus usuários estão sempre interagindo uns com os outros.

Como podemos ver, nesse ambiente as marcas precisam contribuir ativamente interagindo com o seu público. E um dos melhores exemplos, é a Netflix, que está sempre dialogando com os usuários do Twitter.

Não podemos deixar de mencionar o Facebook, Youtube e Instagram. Juntos, eles respondem por mais da metade do tráfego das mídias sociais.

Mesmo empresas do segmento B2B, como fabricantes de equipamentos para usinas hidrelétricas, precisam manter seus perfis nessas três mídias sociais, além do LinkedIn.

Por que investir em mídias sociais?

Porque cada vez mais os consumidores estão se afastando da publicidade tradicional.

E quando falamos nisso temos que considerar todo tipo de anúncio patrocinado. Seja ele veiculado na TV, Youtube, banners na Internet ou anúncios patrocinados no Google.

No entanto, isso não quer dizer que agora as empresas só devem investir em conteúdo orgânico e comunicação H2H.

Ainda é fundamental investir em anúncios nas mídias online e offline para atrair a atenção dos consumidores. Pois, os anúncios são a porta de entrada para o contato entre marcas e consumidores.

Ao longo dos anos, nós passamos a pesquisar mais sobre marcas, produtos e serviços. E levamos mais em conta a opinião das pessoas no Facebook, Youtube, Instagram, Twitter e LinkedIn.

Para se destacar, as empresas precisam investir em conteúdo de qualidade nas suas mídias sociais. Porque isso gera engajamento e compartilhamento.

E que marca não gosta de publicidade boca a boca?

Red Bull, GoPro e Gatorade

Essas três marcas são um dos melhores exemplos de como trabalham bem o marketing de conteúdo. Elas sabem a importância de gerar valor para seus consumidores e clientes.

Então, vamos começar pela Red Bull que possui uma estratégia de marketing de conteúdo voltada para a diversidade de conteúdo, presença global, audiência focada e consistência de conteúdo.

E por mais repetitivo que possa ser, o marketing de conteúdo tem papel fundamental em todas as faces da empresa.

Quando se fala em experiência do consumidor, a GoPro é especialista em transmitir isso literalmente.

Desde seu site até as suas mídias sociais, nós podemos ver claramente como a empresa se preocupa com a sua marca e seus valores. Isso gera fascínio nos seus seguidores e desejo em quem ainda não tem uma GoPro.

Por último, a Gatorade que faz um belo trabalho de marketing de conteúdo ligado ao esporte.

A empresa mantém um War Room para acompanhar em tempo real as menções da marca e interagir com seus públicos de interesse. 

Nesse vídeo, você pode ver como eles levam a sério o trabalho nas mídias sociais.

Priorize a qualidade e não a quantidade.

Depois de ver Red Bull, GoPro e Gatorade parece que investir em marketing de conteúdo é apenas para grandes marcas. Mas não é.

A questão não é só verba, mas principalmente um bom planejamento. Pois, um dos maiores desafios do marketing de conteúdo é o engajamento.

Sem isso, os consumidores deixam de seguir os perfis das empresas nas mídias sociais.

Falta de visão. Esse é um dos maiores problemas.

“Por que a sua empresa não tem um perfil no Instagram e não faz vídeos no Tik Tok? Ah…porque meu público é da classe C e D e não usa isso.”

Ler um depoimento desses pode até parecer fake. Mas muitas empresas também sofrem de miopia de marketing de conteúdo.

Além de achar e não saber qual é o seu público de interesse, existe ainda falta de conhecimento, pesquisa e treinamento na produção de conteúdo nas mídias sociais.

Como ter um ótimo perfil nas mídias sociais.

Para ter um perfil nas mídias sociais atrativo, toda empresa precisa entender que isso requer tempo, investimento e estratégias.

Se pararmos para pensar, ao criar uma marca nós damos vida para ela. Isso quer dizer que precisamos alimentá-la com informações para que possa ir em direção aos seus consumidores e clientes.

Já não estamos mais vivendo naquela época do filme Campos dos Sonhos.

“Construa e eles virão!”

Pois, as pessoas até vêm até uma marca. Porque, como já dissemos, a maioria dos consumidores pesquisam antes de comprar.

É bom deixarmos claro, que nessa jornada de consumo, as pessoas buscam informações em vários lugares. Sem contar que visitam várias vezes o site e os perfis das empresas nas mídias sociais.

O que acontece quando não vemos atualizações constantes? Muitas vezes, achamos que a marca deixou de existir ou parou no tempo.

E, aí o mais comum é procurarmos outra marca que tenha uma informação nova e relevante para oferecer.

Mídia Própria e Mídia Conquistada

Mais dois bons argumentos para as empresas manterem seus perfis nas mídias sociais. Mídia própria e mídia conquistada são dois ativos de marketing muito importantes.

Vale lembrar novamente que há um alto consumo por informações relevantes. Pois, nós procuramos informações, dicas e depoimentos de quem comprou e suas experiências.

E sem contar o potencial da propaganda boca a boca de quem se torna fã da marca e recomenda a compra.

Retorno sobre Investimento

Para muitos empresários, CEOS e líderes de empresas é importante saber o Retorno sobre Investimento (ROI) nas suas estratégias de marketing. E isso não é diferente no marketing de conteúdo.

Sempre falamos que marketing de conteúdo não é simplesmente postar nas mídias sociais. Vai muito além disso.

Uma das vantagens em produzir conteúdo para as mídias sociais é que ele é mensurável. E quanto mais dados temos do nosso público, mais ações podemos tomar para trazer melhores resultados.

Assim, com uma mensuração efetiva, podemos focar nossos esforços na audiência e garantir a retenção de clientes.

Aceite os erros, corrija-os e continue.

É muito bom quando acertamos de primeira. Mas isso nem sempre acontece.

Pois, quando criamos um perfil em uma mídia social é como entrar para um círculo social. E não é à toa que se usa tanto o termo comunidades.

Além de reunir pessoas, os perfis nas mídias sociais geram mais oportunidades de conexão entre a marca e seus seguidores.

Entretanto, esse relacionamento entre marcas e clientes nem sempre tudo dá certo e os erros acontecem. Porém, um erro bem corrigido é a oportunidade de aprimorar um processo.

Então, o segredo para conquistar uma audiência qualificada é continuar. Mesmo que nos primeiros meses, o resultado não seja o que foi esperado.

Para finalizar, algumas dicas.

Na teoria é fácil falar sobre mídias sociais. Mas na prática é preciso trabalhar muito para alcançar os objetivos.

Por outro lado, sempre há meios de alcançar os objetivos mais rápido. Só que o nosso conselho é não procurar atalhos, porque muitos deles levam a becos sem saída.

E para evitar frustrações, aí vão algumas dicas:

  • Analise seus públicos de interesse.
  • Veja se os valores da sua marca são semelhantes ao valores dos seus clientes.
  • Crie perfis nas mídias sociais onde seus clientes estão.
  • Produza conteúdo que gere engajamento.
  • Mantenha seus perfis atualizados.
  • Mensure os resultados.
  • Corrija os erros.
  • Adote novas estratégias.
  • Tenha uma verba para investir.

Falamos por último sobre verba, porque é importante investir na produção de conteúdo atrativo. E também um plano de mídia para alcançar mais pessoas.

Uma das vantagens das mídias sociais é que podemos determinar quanto queremos investir. Porém, é preciso calcular o investimento com base no alcance que se deseja ter.

No começo, o ideal é investir um pouco e fazer testes para ver que tipo de conteúdo atrai mais seguidores. Mas, depois é preciso manter os investimentos para atingir os objetivos propostos.

Enfim, com ou sem verba, o marketing de conteúdo nas mídias sociais é essencial para os negócios. Independente do porte ou do segmento da sua empresa.

Espero que este artigo ajude sua empresa a ter mais resultado nas suas mídias sociais.

Um grande abraço,

Alecio Neto